Unindo forças frente ao desafio global

23 mar 2019
Editorial
Imagem
mapa de mercator

O movimento antivacinação contribui para o retorno de doenças erradicadas em várias partes do mundo. A negação da mudança climática ameaça a biodiversidade, a produção de alimentos, a qualidade de vida e a própria sobrevivência de populações humanas por todo o planeta, sem discriminar entre ricos e pobres. Teorias de conspiração distorcem o processo político nas principais democracias do globo.

Também por todo o mundo, uma confluência perversa entre pensamento mágico, crenças pseudocientíficas e, não raro, fortes interesses comerciais e políticos vende falsas esperanças a pessoas doentes e a suas famílias, provocando, no fim, graves prejuízos financeiros, emocionais – e custando vidas.

No caso específico da América Latina, encontramos uma série de problemas comum a diversos países da região, da suposta “respeitabilidade intelectual” emprestada a doutrinas de caráter pseudocientífico pela academia e por setores influentes da elite, e chegando à interferência indevida de dogmas religiosos na formulação de políticas públicas.

Se os problemas são, ao mesmo tempo, locais e globais, o debate e a busca por soluções também precisam ser. Por causa disso, o Instituto Questão de Ciência sempre se preocupou em manter abertos canais de colaboração e comunicação com grupos e indivíduos de todo o mundo, engajados na mesma luta. Um dos resultados mais bem-vindos dessa postura é a recente estreia das seções em espanhol e inglês da Revista Questão de Ciência, e também a intensificação da publicação de material de origem estrangeira traduzido para o português.

Nossa seção em espanhol é coordenada pelo jornalista, escritor e pesquisador da pseudociência argentino Alejandro Borgo, que é também Diretor do Center for Inquiry (CFI) na Argentina. Borgo dirigiu a Pensar, revista ibero-americana para ciência e razão, publicada pelo Committee for Skeptical Inquiry, e El Ojo Escéptico, publicado pelo Centro Argentino de Pesquisa e Rejeição à Pseudociência (CAIRP). É autor de três livros relacionados a pseudociência e pensamento crítico. O primeiro artigo de Borgo para a Revista Questão de Ciência já está disponível em português e espanhol.

Já a seção em língua inglesa está a cargo da publisher Natalia Pasternak, e traz como publicação inaugural um artigo sobre alimentos transgênicos de autoria da cientista queniana Margaret Karembu, fundadora da organização Mulheres Africanas pelas Biociências.

Além de material original em língua estrangeira, as novas seções também publicarão traduções, para o espanhol e o inglês, de conteúdo criado originalmente em português para a revista. O propósito é intensificar a troca de ideias e ações com grupos e indivíduos de outras partes do mundo engajados na promoção do pensamento crítico e da ação pública baseada em evidências.

Sua Questão

Envie suas dúvidas, sugestões, críticas, elogios e também perguntas para o "Questionador Questionado" no formulário abaixo: